It's me!

31. Recifense.
Canceriana com ascendente em sagitário.
Psicóloga no RH. Viciada em café.
Mãe do Francisco, do Joaquim e do Oscar.

Luciana

What Read Next

Um tempo, uns desejos

Queria sair dançando com o vento ligeiro que carrega folhas e bagunça os cabelos das moças. Também queria ter pincéis e cores, tantas quantas existissem e também as que ainda seriam inventadas, mesmo que praticamente impossível. Sua mente queria apreender as entrelinhas da paisagem, a voz da chuva …

Inverno

"E você vem e você chega e entra quebrando o realismo da sala, quando você entra muda tudo, a casa fica diferente, as cadeiras se movem, os vasos de rosa voam no ar, as mesas rodam..."
(Arnaldo Jabor em "Eu sei que vou te amar")


E chegou. O noticiário avisa o início do inverno, ma…

Para além dos muros

Quando foi que te escrevi pela última vez? Já faz tanto que não me recordo se foi março ou abril, quem sabe fevereiro. A questão é que hoje me deu uma vontade meio doida de te escrever sem motivo aparente, falar bobagens em algum tipo de desabafo egoísta, apenas. Tenho sentido saudade e algo aqui d…

Só uma coisa;

Agora, nesta hora em que estamos, chega aqui perto de mim, pois preciso te dizer uma coisa que vai fazer cócegas nos teus ouvidos e certamente revelará um sorriso no teu rosto. É coisa curta que me veio assim de repente, que nem estrela cadente, e quero muito que você saiba. Hoje não quero falar ba…

Perdas

"Depois de ter você,
pra quê querer saber que horas são?"
(Adriana Calcanhotto)


Foi tomada de assalto, surpreendida quando menos esperava por aquilo que dá no coração. Paixão-amor avassaladora que varreu sua vida levando-lhe tudo aquilo com que ela já havia se acostumado. Perdeu muito, é ve…

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *