Que momento!

by - 11:11

Meu exemplar lindo do Que Momento!

O mundo blogueiro me fez conhecer muita gente fina, elegante e sincera, eis um fato. Entre elas, está um cara muito gente boa, um gaúcho lá de Novo Hamburgo que é pura simpatia e que se tornou um amigo daqueles que a gente quer levar pela vida inteira. O nome dele é Antônio. Ton apenas para os íntimos. Ou, para os mais íntimos ainda, Antônio Augusto Aguiar Aragão Bragança de Orleans Dutra Júnior Filho (beijos, ASSV). Enfim, tirando as piadas internas, eu vim aqui foi pra falar do livro que esse moço lançou no dia 21 de março desse ano.

O livro, intitulado Que Momento! justamente por causa do blog do Ton, reúne alguns dos melhores textos publicados no blog. Para quem não conhece, o Ton escreve textos de cunho humorístico, mas não é qualquer humor. Ele consegue fazer com que os acontecimentos do seu cotidiano virem histórias extremamente engraçadas, mas sem cair naquela comédia boba e sem conteúdo. Pelo contrário.

De um modo geral, a leitura do livro é bastante agradável justamente por retratar cenas do cotidiano. É impossível não rir com as peripécias de um Antônio criança ou com a saga da pobre cachorrinha Sofia, coitada. E como não morrer de rir com a Saveiro que dava mais surpresas do que Kinder Ovo? Enfim, só lendo para ter uma noção de como as histórias são legais. E tem mais, o que torna a escrita do Antônio bastante singular, é o seu regionalismo sempre presente através de expressões gauchescas e coisas típicas da sua terrinha lá do sul.

Leiam um trechinho de um dos textos que mais gosto:

"O trauma, contudo, veio num dia bucólico em que, após o banho, enquanto observava frente ao espelho as transformações que adolescência vinha produzindo, caí na besteira de virar de costas. A imagem que tive jamais sairá de minha memória: a parte posterior de minhas coxas, aquela região que fica logo abaixo do traseiro, valha-me Deus, estava totalmente tomada de pêlos. Senti-me um Tony Ramos gaudério, entrei em desespero. Cheguei a prestar mais atenção no calendário lunar, pra ver se sairia uivando nas noites de lua cheia, tamanha a pelagem desenvolvida naquela área de meu corpo. Se juntasse todos os pêlos que eu descobrira, daria facilmente para montar a barba do finado Enéas, a do Lula, mais os bigodes do Paixão Côrtes e do Olívio Dutra. Eu era um pelego humano."


Vale muito a pena conhecer esse livro e, porque não, tê-lo em casa. Quem se interessou e quer conhecer um pouco mais dos escritos do Ton, passa lá no blog dele. E quem quiser adquirir o Que Momento!, basta entrar em contato com o próprio Antônio.

Ah, e se você for daqueles que gosta de participar de uma promoção legal, a Fê está fazendo um sorteio lá no blog dela. É fácil, rápido e prático. E o prêmio é um exemplar autografado do Que Momento!, coisa fina. Passa lá e confere como participar!


Você também pode gostar

4 comentários

  1. Parece ser muito divertido! Ri alto aqui com o trecho que você selecionou. Só senti falta de uma indicação sobre o preço, Lu.
    Bjos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mayara!

      Respondendo tua dúvida, o valor do livro é R$ 35, ok?

      Obrigado!

      Excluir
  2. Olá Luciana,
    O seu blog hoje foi o "achado" do meu dia, tanta coisa legal e bem escrita por aqui. Parabéns de verdade.
    Ultimamente ando conhecendo alguns blogs novos de meninas que leêm bastante e me deu até uma coceirinha para iniciar uma leitura nova, coisa que eu não faço há tanto tempo :(
    Valeu pela indicação!!!
    Agora vou fuçar o seu blog, mais um pouquinho, rsrs
    Bjs e ótima tarde pra vc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que amor! Muito obrigada pelo carinho, Elza. Leituras novas são uma boa opção para distrair, recomendo demais. E se for uma leitura como o livro do Antônio, é distração garantida com tanta risada. hahahaha
      Beijo e um ótimo restinho de semana pra você :)

      Excluir