Uma terapia escrita

21 de setembro de 2011 //


"Escrever me dá a sensação de que eu vivo intensamente..."
[Caio F. Abreu]


Sinceramente, não consigo mais imaginar minha vida sem o Caixa Preta. E quando digo sem o blog, quero dizer também, sem escrever. Não me considero uma escritora, talvez por hobby, apenas. Só me atrevo a escrever no blog e, no máximo, algumas palavras soltas por aí.

Escrever, para mim, é algo que vai além de só colocar palavras em um bloco de notas. Escrever é colocar a alma para fora, intensificar vivências ou criar novas possibilidades. Quando escrevo, transcendo. Cada palavra sai com alegria e sofrimento, porque escrever não é só felicidade. Muitos dizem isso e eu concordo, as palavras exigem de nós uma relação de amor e ódio. Elas brincam de correr facilmente, fluir e em outros momentos se escondem, fazem greve.

Escrevo por uma necessidade maior. Torno reais os meus delírios, expresso meus dramas e até elaboro algumas questões que nem sequer havia percebido.  Porém, às vezes também tenho medo de escrever, tento evitar. Escrever liberta demônios. Cansa. É um estado que beira à loucura, de tão intenso. Escrever é uma terapia, digo.

Às vezes, mesmo quando não torno visíveis as minhas palavras, escrevo mentalmente. Acredito que também escrevemos por dentro. Para mim, escrever nos torna mais vivos, nos mantém naquela zona onde tudo é permitido apesar de. Por uma necessidade assim, de me sentir viva, talvez, escrevo e propago a ideia, vamos tornar esse mundo mais vivo.


Texto escrito para o blog do meu amigo Bruno, o A Última Palavra. Vale a pena conferir os outros textos!

* Imagem: Sally.Pimienta.D

22 comentários:

  1. Lu, escrever é ao mesmo tempo libertador e escravizante (existe essa palavra?), é como se ficássemos presos à liberdade que escrever nos dá! Uma relação esquisita pra caramba, e realmente deixar os blogs é algo muito esquisito eu tentei, mas não consegui. E sobre se considerar escritora, se Clarice não se considerava, quem somos nós? Ela também disse que o que a gente escreve já está de certa forma escrito em nós. Que tudo que está escrito em nós seja lindo, mesmo que às vezes triste!

    Bjos

    ResponderExcluir
  2. *-*~ ...

    o meu blog esta ali paradinho, mas não consigo me desfazer dele vivo criando em meu pensamentos texto e tudo mais sempre pensando em postar ou colocar tudo de uma vez só la!. Seu que vou voltar e ele ainda vai me aceitar como seu "escritor".

    Escreve muito bem meu amor!

    Te amo!

    ResponderExcluir
  3. Com certeza escrever não é só felicidade, e talvez, na maioria das vezes, tristeza. Sempre que estamos mal sentimos uma necessidade maior de traduzir todo aquele sentimento, e ai entram as palavras. Pra mim elas quase não vem, tenho muitas dificuldades... mas sempre vou tentando, até que sai. Lindo texto Lu. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Minha querida, seu texto é magnífico. De uma sensibilidade incomum! Meus parabéns. Comentei seu texto no blog do Bruno, ok? Dê uma olhada lá. Beijos. Au revoir!

    ResponderExcluir
  5. Acho que todo mundo que escreve tem esse hobby como uma válvula de escape. Escrever liberta, alivia.
    Enfim, meu blog está num novo endereço. Dá uma passadinha lá e se quiser seguir fique a vontade. =P
    http://www.gabrielacandido.com/blog

    ResponderExcluir
  6. "Escrever liberta demônios."
    Sim, não acredito que escrever alivie a dor, ou diminua o medo de alguém, pelo contrário, escrever, dói, machuca, abre todas as suas feridas e mexe com suas lembranças. Mas ao mesmo tempo, funciona, escrevendo, como você disse, colocamos nossos demônios pra fora.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Também estou escrevendo o tempo inteiro por dentro. Transformar tudo em palavras escritas não é o melhor, algumas coisas realmente precisam ser filtradas. Escrevo muito para mim mesma, coisas que ninguém lê. Faz bem também.
    Saudade de ler seus escritos.

    Beijo, moça.

    ResponderExcluir
  8. Escrever é uma coisa linda ! Não se precisa ter dom, apenas sentimentos :D

    ResponderExcluir
  9. Muito bom! Sinto o mesmo ao escrever, como necessidade e fonte de inspiração pra vida!
    Conheci o blog pelo grupo blogueiros no face e adorei!
    Já sigo aqui e lá! Parabéns Luciana!

    ResponderExcluir
  10. Escrever é uma arte! Podemos tanto mentir com as palavras quanto sermos 100% transparentes com elas. Isso é o que mais amo na escrita, ela nos permite os dois mundos :)

    ResponderExcluir
  11. escrever é mais que hobby, é vida viva (pleonasmo propositado),
    precisamos disso para que não enlouquecemos, mesmo que as vezes
    isso nos enlouqueça.

    ResponderExcluir
  12. Escrever, para mim, também é uma terapia em forma de desabafos. É razão de ser. É o que quero para mim.
    Beijão.

    ResponderExcluir
  13. Eu também sou assim,não sei o que seria de mim sem poder escrever,porque muitas coisas não precisam ser ditas,e sim escritas.
    Fazia um tempo que eu não vinha aqui,confesso que teu blog continua maravilhoso!

    ResponderExcluir
  14. Escrita, para mim, também é uma forma de terapia. Todos as minhas impressões ou preocupações acabam saindo em forma de frases e parágrafos - e acredito que não há nada melhor para se libertar. E mesmo que eu esteja longe de ser ótima com a escrita, é com ela que encontro a melhor maneira de me entender. E assim vamos vivendo, não é mesmo? Beijo!

    ResponderExcluir
  15. Pois é, acabo de escrever um post sobre a escrita.
    Essa magia que ela me dá, essa vontade de ser tudo com as palavras.
    Adorei.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  16. Perfeito! Vejo tudo isso na escrita...Digo que ela é minha terapia! =)

    ResponderExcluir
  17. Terapeuta para quê, né mesmo?
    A arte é o maior dos desabafos.
    Lindo texto.

    ResponderExcluir
  18. Eu acho que escrevo para vazar. Chorar é tão antigo, né? hahaha.
    Exorciza demônios, também não vejo sem escrever nada...
    Beijo :*

    ResponderExcluir
  19. Vivi a fase de amor, de escrever pra libertar sofrimento e agora to evitando. Evitando o que as palavras trazem pra vida real. Não sei se quero sentir o impacto de novo, por enquanto.

    Mas é lindo. Não paro nunca, se Deus quiser. :*

    ResponderExcluir
  20. Eu não vou dizer aqui porque escrevo, por que, né, daria um texto e além do mais vim aqui pra comentar você e não falar de mim. Haha.

    Os teus motivos são muitos os que já imaginei serem meus, também. E é bonito ler essa tua relação com as palavras. É bonito sentir. Leio o Caixa Preta há alguns anos e é maravilhoso notar você crescendo no meio dos parágrafos de um texto e outro. Suas palavras já foram meu espelho inúmeras vezes. É bom te acompanhar. Doer com você, sorrir, amar o teu amor, torcer do lado de cá a cada fase da sua vida. É bonito, e foi assim que aprendi a te querer bem.

    E esse é outro motivo válido: escrever para receber. O bom do que se oferta, sempre volta.

    E eu termino só dizendo obrigada, por me permitir acompanhá-la.

    Um beijo, Luzete.

    ResponderExcluir
  21. Quando li uma frase da escritora inglesa Virgínia Woolf que dizia "o maior prazer está em escrever e não em ser lido" percebi o quanto escrever é importante. Mesmo que seja só pra gente.
    Escrever, em minha opinião, só é possível pra quem lê. Lê qualquer coisa.
    É um ato difícil, árduo, mas recompensador. é transformador e está inteiramente ligado com a nossa transformação a cada segundo.
    É algo que faz a gente se sentir seguindo em frente.
    Toda vez que leio um livro daqueles que me fazem viajar dentro dele , percebo o quanto escrever não é somente importante, mas imprescindível. Passear pelo universo de outra pessoa. Por aquelas coisas que o escritor estava pensando no momento que escrevia aquelas palavras. Ler importante para tentar entender outros universos, outras idéias, outros caminhos. Escrever é importante para que criemos nosso próprio universo, nossa próprias idéias, nosso próprio caminho.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  22. Escrever é uma delícia, é uma aventura, um desafio...
    Nos torna vivos e expostos...
    É uma arte, um amor, uma vida.
    Adorei seu post, seu blog, e tô linkando no meu :)

    ResponderExcluir