A culpa é dos hormônios

8 de fevereiro de 2011 //


[das variações que costumamos ter]

 
Finalmente decidi. A partir de agora, a culpa das minhas maluquices e do meu humor em modo random será atribuída simplesmente e somente aos meus hormônios. Não é só TPM ou estresse, o caso vai mais além. Poderia ser uma TPM constante, quem sabe? Mas como provavelmente não é, vou dizer que tudo é resultado das minhas variações hormonais constatadas em exames não tão antigos assim. Compreendem? Como boa brasileira que sou, também não levei o diagnóstico a fundo e o tratamento que é bom, continua na farmácia. Meus hormônios estão livres, leves e soltos para aumentarem e diminuírem como bem entenderem.

Daí que, por causa disso, quem enlouquece sou eu. Choro, rio, fico feliz, me sinto um nada e por aí vai. As mudanças vão acontecendo com padrões de tempo não definidos e se acordo super feliz, posso terminar o dia chorando horrores. Pois é, é tenso. E então vou ficar tentando esquecer os problemas da vida, a auto estima abaixo do normal ou a frustração e pensando que tudo é apenas uma questão hormonal. Apenas a felicidade é que terá uma fonte externa como causa, isso não posso e nem quero deixar de lado. Se a desgraça é hormonal, a felicidade é pessoal. Culpa Dele, vocês já estão cansadinhos de saber.

E então que, após essa decisão, vou continuar. É o que me resta, certo? Vou prosseguir com meus defeitos e minhas qualidades, minha auto estima nível 5, frustração recalcada e felicidade reservada. Vou indo, subindo e descendo, mas indo. Isso é o que importa, não é?


Imagem: daqui.

9 comentários:

  1. E é tudo isso em um unico lugar, só minha,
    e vamos nessa montanha russa que sobe e desce!
    juntinhos e colados feito Brigadeiro e Granulado!

    Te Amo! minha Pequena!

    ResponderExcluir
  2. Que total verdade.
    Meu humor muda tão rápido que começo um namoro no sábado, dizendo que sou toda amores. E na segunda quando acordo, termino tudo, chorando e berrando que não posso amar ele.
    O pior é que ele sofre, eu sofro e meu humor, esse continua mudando.

    ResponderExcluir
  3. .

    Lu, mais uma vez não vou poder te ajudar.
    Não conheço esse texto, procurei rapidamente em quase todos os livros, mas não encontrei.
    Se for do Caio, o que acho difícil, deve estar entre as crônicas que não foram publicadas.

    Tem um blog que posta todos os textos do Caio que não foram publicados em livros, talvez você consiga lá. Vou te passar o link:

    http://caiofcaio.blogspot.com/

    Desculpa por nãopoder te ajudar. rsrs

    Beijão

    .
    .

    ResponderExcluir
  4. A culpa não é nossa ! Nunca. É dos hormônios é claro, amei.

    Beijo *;

    ResponderExcluir
  5. Acho que isso deve ser o mal do século então, bonita. Porque há dias que venho passando por essa variação de humor e estes dias, confesso, estão tão cinzas assim como o céu de Brasília.

    ResponderExcluir
  6. Meus hormônios andaram bastante desajustados, por muito tempo, mas não cheguei a fazer exames pra comprovar. Ainda sinto que eles não estão normais, mas e a preguiça de sentar em um consultório, explicar o que acontece, fazer exames, tomar remédios? Pois é. No final quem nos controla somos nós mesmos.

    Beijo, moça.

    ps: não sei se você viu no meu twitter, mas mudei o endereço do blog: http://1984feelings.blogspot.com. Agora sossego (:

    ResponderExcluir