Intragável

by - 09:43



adj. Que não se pode tragar; insuportável.


Se tem uma palavra que não sai da minha cabeça ultimamente é esta, intragável. Acredito que ela seja uma palavra cheia, daquelas que só de falar a gente imagina algo cheio, transbordando seja lá o que for. Eu penso nisso e fico repetindo. Intragável, in-tra-gá-vel, in-tragável. E fico nessa de falar sozinha e colocar para fora tudo isso que transborda em mim. Sabe como é? Talvez você saiba, baby.

In-su-por-tá-vel. É assim que quase tudo me parece. Insuportável por ser bom ou ruim, bonito ou feio, tanto faz. Vejo algumas coisas por aí e sorrio. Na maioria das vezes é assim. O sentido que as palavras ou imagens tem para mim refletem exatamente o que considero intragável. Entende? Intragável para mim é um amor louco que grita desesperadamente e se revela em detalhes, se joga no mundo e ganha forma de vários jeitos.

É com essas coisas perco aquela estabilidade aparente de quem parece forte mas que, por dentro, se agita com qualquer sopro. Me desmancho, bem assim. Fico brincando de tentar explicar o inexplicável e acabo sendo redundante, repetitiva. Romântica. Clichê, é isso. Me resumo em palavras clichê, no irremediável. Sou o que transbordo, o que não consigo tragar. Sou eu e sou você. Sou o amor. Sou o tudo e também o nada.


Criei um Tumblr e ando transbordando coisas intragáveis por lá. A quem interessar, aí está  o link dele:  Intragáveis Pequenices.


Imagem: daqui.

Você também pode gostar

9 comentários

  1. um amor que tem de tudo e muito mais,
    muda a todo segundo fazendo dessa historia
    a mais gostosa de se viver... assim com você.

    Te amo!

    ResponderExcluir
  2. .

    Que legal, Lu!

    Também tive a mesma idéia de fazer um Tumblr, só com textos do Caio, só que excluí, daí fiz um fotolog e terminei excluindo também. rsrs

    Coisa de doido. rsrs

    Minha filha tem um Tumblr, depois te passo o link, só assim ela copia as frases do Caio lá, ela tem maior raiva pq não pode copiar no meu blog.

    Vou te visitar lá.

    Beijão

    .
    .

    ResponderExcluir
  3. .

    Lu, voltando para esclarecer.

    Minha filha não copia o Caio para o tumblr, não vai fazer cópia do seu. Ela posta no fotolog.


    .
    .

    ResponderExcluir
  4. Ai que bonito, bonito, bonito.
    Quero ser clichê, mimimi
    que saudade do amor... :/

    ResponderExcluir
  5. O amor às vezes é intragável. Talvez por isso as vezes não se concretize.
    Meu beijo!

    ResponderExcluir
  6. A vida me é intragável, por isso escrevo.

    Belo post, Lu.

    Tô seguindo o blog de novo, já que mudaste a URL.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. o amor é infinitamente briga, infinitamente intragável..

    ResponderExcluir
  8. Insuportável e outras coisas que temos que aturar.

    ResponderExcluir