Tudo junto e misturado

11 de novembro de 2010 //


A convicção de que 'desaprendi' a escrever minhas fofices anda transbordando e não é de hoje. Esqueci como se faz, perdi a receita do bolo, o tato, o senso e o jeito. Continuo sentindo demais, mas esqueci como se expressa, como grito ao mundo ou apenas sussurro minhas angústias-bobeiras-melosidades-neuroses. Eu não sei mais como se faz, entende? Só sei juntar as palavras quando venho escrever algo assim, falando justamente da minha revolta por não conseguir escrever. Uma grande ironia, diga-se de passagem.

Não me falta vontade e vezenquando até me pego formando frases desconexas em mente, mas que nuncam chegam ao bloco de notas. Tenho sido habilidosa em perder frases e jogar palavras no lixo, no sem fim da minha mente que não tem parado de pensar nem por um segundo. Alguém me disse que isso pode ser fadiga mental eacredito que até pode ser, já que milhões de coisas invadiram minha mente desde que comecei a ficar assim, no vazio de palavras escritas.

É a faculdade e as decisões que não sei ter, o estresse constante, complexos e mais complexos que invadem quando algo não sai como o esperado, são crises sem lógica e um cansaço miserável que só me dá vontade de ganhar colo e dormir. É isso, a única coisa que tenho vontade é de dar uma sumida desse meu mundo maluco e ir a algum lugar onde eu possa ser mais eu e ficar apenas com a parte boa desse caos todo: a presença e o apoio constante do meu 'moreco'.

Talvez eu ainda consiga fugir para Cancun ou algum outro lugar onde não conheça ninguém e eu possa tentar fazer uma coisa de cada vez, ao invés de ter que enfrentar tudo junto e misturado.


Imagem: daqui.

8 comentários:

  1. Então. eu te entendo. As vezes a gente não quer nada a não ser um colo amigo. Sei bem como é. Mas pense que é só um momento, uma crise. Logo logo passa, você vai ver. As vezes precisamos pensar em nós um pouquinho também. Beijos e melhoras.

    ResponderExcluir
  2. até sem inspiração, tu é inspirada menina!!!!

    ResponderExcluir
  3. 'vamos fugir pr'outro lugar, baby'

    É... esses momentos de revolta são bem normais.
    Mas até assim você arrasa nas palavras, minha gêmea.

    ResponderExcluir
  4. me desculpe desapontá-la, mas nao desaprendeu nao. ficou fofo ainda. hahaha
    :D
    boa sorte ;)

    ResponderExcluir
  5. Concordo com Luna. :)
    e preciso desabafar: estou sentindo isso também, acho que desaprendi, perdi o jeito, sei lá... ou tvz eu tenha aprendido a falar o que sinto e, por isso, parei de escrever.

    ResponderExcluir
  6. Eu ando numa fase parecida, em que nada parece sair direito. Não digo igual porque não consigo fazer textos 'desinspirados' tão bem quanto tu. Ficou muito bom!

    Dizem que é uma fase pela qual todo blogueiro passa, veremos.

    ResponderExcluir
  7. ja fiquei muito sem conseguir juntar as coisas,e as palavras ou frases ficarem flutuando,sem se juntar...

    ResponderExcluir