Do lado de cá;

by - 21:03



Existe amor e amizade, mãos dadas, abraço apertado e beijos adocicados. Existe também um calor de rachar, um céu muito azul e um tumulto de gente a andar de um lado para o outro em uma cidade estranha e pequena. Do lado de cá existe muita correria, pequenos períodos de sono vespertino e algum stress de quem vive fingindo ter paciência.

Tem música, revista sobre Freud e muitos, mas muitos textos esperando que alguém os leia. Tem também muito doce, vontade de comer brigadeiro e tomar muita coca-cola gelada, mesmo sabendo que faz mal. Existe falta de criatividade, espaços em branco, inferno astral e uma preguiça que parece não ter fim.

Existe muitos trabalhos a fazer e animes a assistir. Existem também algumas pendências, ausências, pedidos de desculpa e alguma raiva contida quase querendo explodir de maneira "saudável" com apenas algum copo ou prato jogado contra a parede.

Do lado de cá existe você e eu e todas as outras pessoas que nos cercam e fazem parte desse mundo insano no qual estamos inseridos. E existe um lado bonito e outro nem tanto, mas que acaba ficando pequeno quando o pensamento que toma conta é o de que, apesar da feiúra de certas coisas, ainda há algo que compensa isso e, no final, faz com que tudo isso seja apenas uma pedra no caminho a ser chutada para bem longe.



Imagem: daqui.

Você também pode gostar

14 comentários

  1. E "chuta a pedrinha",
    do lado de cá te eu e você assim a nos amar.

    Te amo pequena!

    ResponderExcluir
  2. sempre tem uma coisa boa Lu, sempre.

    lembrei de teatro mágico:

    'enquanto houver você do outro lado aqui do outro eu consigo me orientar'


    beijooos Lu!

    ResponderExcluir
  3. Chuta, chuta, chuta pra bem longe!
    E assim possamos conquistar a felicidade sagrada de cada dia...

    Abraços Imundos!

    ResponderExcluir
  4. É sempre assim... Quando a gente tá longe de quem gostamos, do lado de cá é sempre tudo tão cheio de vontades e afazeres...

    Bjim e bom texto

    ResponderExcluir
  5. O lado bom da música,da poesia,da saudado,do amor.

    ResponderExcluir
  6. Luciana!
    Adorei pensar que esse meu 'inferno astral' possa ser somente uma pedra no caminho a ser chutada pra bem longe!
    Vamos vivendo né?
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  7. O lado bom de tudo o que vivemos, somos e esperamos. Adorei o texto, parabéns, mesmo!

    ResponderExcluir
  8. e se existe tudo isso, faça valer a pena

    ResponderExcluir
  9. Muito bom!
    Vamos chutar isso tudo pra beeeeeeem longe!

    ResponderExcluir
  10. Que as tais pedrinhas sejam assim, sempre meros detalhes. Amém! E que todo o bonito que reside em ambos os lados só saiba cresce. Hoje, amanhã e sempre.

    Lulu,

    Eu não uso o google para pesquisar plágio. Uso o copyscape e o "quem me ama". Mas aquele absurdo lá eu recebi por e-mail, de um leitor do blog. Aiai...

    Beijoca.

    ResponderExcluir
  11. Own.

    Estou esperando ter um lado de lá, pro de cá ficar feliz.

    Lindo, Lu.

    Beijos.

    ResponderExcluir