Sinais

by - 20:40



Se em alguma tarde alguém te chamar para conversar, não negue. Ele poderá ser seu grande amor;
No dia em que ele declarar o que sente, não se assuste. Daí em diante tudo será surpresa e euforia;
Quando ele te disser alguma loucura, não estranhe. Logo você comprovará sua (in)sanidade;
Ele gosta de desenhar. Encoraje-o e admire-o por isso, será a opção mais correta;
Se vocês se parecerem demais, estranhe e espere. Logo as diferenças aparecerão e tudo será ainda mais gostoso;
Quando ele te disser que vem, acredite. Ele sempre cumpre suas promessas;
No dia em que se encontrarem, tudo será diferente do esperado. Ele será tímido, você agitada;
Se em algum momento ele quiser segurar sua mão, aceite. Você nunca mais irá querer largá-lo;
Ele é calmo e pensativo, compreenda. Isso será ótimo nos seus momentos de desespero;
Se ele gostar de chá, respeite. Ele passará a tomar café por sua causa;
Quando você menos esperar, seus sorrisos serão dele e o olhar dele será seu;
Com ele você aprenderá a ver as cores do mundo e a felicidade nas pequenas coisas, saiba aproveitar;
Em alguns momentos ele chorará de repente, console-o. Será impossível resistir ao bico que ele faz e aos seus olhos quase fechados;
Quando você estiver precisando dele, não será necessário chamá-lo. Ele saberá no silêncio como você está e cuidará de ti com todo carinho e atenção;

Um dia, quando você menos esperar, seu coração será dele, assim como o dele será seu e vocês não irão querer se soltar um do outro. Será a constatação do sentimento pleno, a descoberta do prazer de cuidar e ser cuidado e apenas o desejo de ficar assim, sempre.



Imagem: 'Love is in the air', por ~Alephunky.


Você também pode gostar

21 comentários

  1. Deu vontade de sentir isso...

    Beijo Lu

    ResponderExcluir
  2. Quero tudo esse colorido pra mim.
    Quero muito.


    BeijO amada minha

    ResponderExcluir
  3. Que lindo aqui *-*
    Seguindo você .

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. "Porra" Luciana escreve logo um livro poxa. Ai como eu amo essas palavras sutis e avassaladoras ao mesmo tempo. É tão bom sentir um amor assim em que a cada dia se descobre e se reconhece. Sempre parece demagogia, mas eu não me canso de dizer que eu amo ler o que você escreve, quem dera eu pudesse dizer isso a todos os meus escritores favoritos. Beijos e boa semana.

    ResponderExcluir
  5. Não tenha medo.
    Não tenha medo.
    Não tenha medo.

    [Mantra].

    Para adaptar o texto à minha realidade. Rs.

    Cheiro, Lu.

    ResponderExcluir
  6. Lu, que lindo. Confesso que minah fase anda mais pra fugir da conversar.. mas se um dia eu for conversar e for assim, foi axhar lindo.

    Me identifiquei com a parte do eu agiada, ele tímido. E da parte em que ele pode tomar café por mim...

    =D


    Bjos

    ResponderExcluir
  7. e é assim mesmo que acontece, quando a gente menos procura, menos espera, menos deseja, o melhor acontece.

    ResponderExcluir
  8. No meu blog, HUMOR EM TEXTO a crônica de humor desta semana é :"Afinal,o que tem por trás disto?".

    O que será?

    Venha conferir!

    Voltarei sempre aqui.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  9. Amém!

    Adorei o texto.

    Beijos =*

    ResponderExcluir
  10. Eu adorei o texto, o problema é quando sua vida ta totalmente oposta a isso ;x
    É dificil ler esse texto e lembrar que talvez deixou isso passar, deixou, achando ser a coisa certa, mas não ter certeza de nada :s
    Adoro seus textos, leio e consigo sentí-lo. Parabéns mais uma vez.

    bjs ;*

    ResponderExcluir
  11. que lindo *-*
    suas palavras me fizeram sentir vontade de sentir isso, de viver isso.
    lindo mesmo, amei

    ResponderExcluir
  12. Lu, você vem se superando enh!

    Deu vontade de sentir isso também. Vamos ficar de olho para não deixar as oportunidades passarem.

    Bju!

    ResponderExcluir
  13. Ta, eu vou fingir que tudo que vc falou não aconteceu comigo. TUDO.

    é assustador

    ResponderExcluir
  14. agora posso ver, posso saber como tudo começa e como agir, uuuh, fascinou. Beijo Luh,

    Charlie B.

    ResponderExcluir
  15. Que lindo Lu *-*
    Queria tanto que isso acontecesse comigo. rsrs
    Beeijo

    ResponderExcluir
  16. Você foi simplismente genial. Creio que um dos melhores textos do seu blog. Serio foi incrivel. A-D-O-R-E-I S2

    ResponderExcluir
  17. Eu não sei o que acontece. Eu sempre entro em sintonia com seus textos, por mais variados que sejam. E mais que isso: Parece que você sintetiza minhas vibes emocionais no momento em que mais preciso ler coisas do tipo.

    Eu não canso de repetir coisas assim, não é?
    Mas qual seria a opção?
    Falar do seu estilo, de sua clareza, de suas metáforas, de sua intimidade com as palavras?
    Eu já falo tanto disso sempre.
    E se não falo, penso.
    E pra isso tem msn.
    Verdade mesmo é que já não sei mais o que dizer por aqui.
    Suas palavras sempre conseguem me fazer pensar, pensar na minha própria vida, no que quero.
    Você e esse seu ar de psicóloga (aha!), esse ar de quem entende, de quem sabe o que penso.

    Ah, Luh, se você se atrever, algum dia de novo, a fechar esse blog, ficarei, de novo, também, puto.
    E tem lugar melhor para se estar às 05:14 am do que viajando por mim mesmo dentro dos seus textos?
    Certeza que não.
    E se sim, são poucos os casos. Poucos e distantes na memória o suficiente para que não me lembre.
    Acho que preciso dormir.
    Tantos textos seus que li e não comentei.
    Depois dou um jeito nisso. Prometo.
    Comentarei todos.

    Beijos, Luh.
    Cutuco-te no msn dia desses pra trocarmos figurinhas da copa. ;*

    ResponderExcluir
  18. ps.: sinais lindos e cheios de magia. Saudade de viver algo assim. Você não tem ideia...

    ResponderExcluir
  19. Isso é o paraíso, o sonho de todo ser que respira, pensa e sente!
    Amei seu blog.
    BjO*

    ResponderExcluir
  20. É naquele momento onde tudo acontece, e nada se acontece, no silênicio do olhar mais profundo que vem o seu sorriso aparece, me chove o mundo de estrelas que brilhão ao som de você, minha Luz.

    Te Amo minha pequena!
    quando te leio sei mais do seu olhar... te amo!

    ResponderExcluir