Lar, doce lar;

by - 17:36



"Um dia só me bastaria pra fugir
Pra anos-luz daqui
Mas tenho o sangue vulgar
Volto a ficar
Perto demais p'ra enxergar
"
("Um dia, um ladrão", Pato Fu)



Nas voltas que o mundo dá, o tempo passa e a gente às vezes teima em ficar. Sabe do que eu falando? É tipo aquela ligação simbiótica que a gente não consegue se livrar e até gosta. Faz bem, completa. Foi bem naquele dia que me dei conta de que não poderia mais me livrar das amarras nas quais estava me prendendo espontaneamente. Tracei meu destino, provavelmente. Sempre doce, foi o que coloquei em mente e me joguei. Foi e ainda é, in-va-ri-a-vel-men-te doce.

Aqueles olhos não me deixavam escapar. Mantinham-me ali, no cárcere de seus espelhos que refletiam minha própria imagem. Era incrível. Não sabia se era a aparência, o jeito de segurar o lápis ou a forma como suas pálpebras me guardavam na sua memória. Eu não sabia nem quem eu seria dali em diante. Só conseguia saber que era ali que deveria ficar para sempre, mesmo que ele não exista.

De todos aqueles momentos e detalhes que gravei aqui, ficou o gosto do café sempre quente e o cheiro daquele perfume inconfundível do teu pescoço. Fiz de tudo um pouco e muito do que digo foi inventado. É essa minha estranha mania de me esconder e revelar nas palavras de um jeito que confunde quem lê. Quero te confundir agora, sabia? Fazer surgir aquele olhar-interrogação de quem estava acreditando em tudo e agora não sabe se acredita.

Cara, posso dizer que isso tudo foi uma viagem muito doida. Já o resultado, foi o melhor possível. Viciei. Tipo droga, sabe? Já tentei tantas vezes fugir disso tudo, correr para a 'vida real' e toda essa terra de gigantes que está do lado de fora. Mas nunca consigo, meu sangue sem-vergonha não me deixa ir embora. Fico nessas idas e vindas, nos altos e baixos dessa montanha russa, mas sempre volto ao ponto de partida. É impossível viver sem isso. E o mais louco de tudo é que nunca me arrependo de ter tentado fugir. Me arrependeria somente de não conseguir voltar. Porém, eu demoro, mas sempre volto.

Separa um livro da estante, coloca mais um prato na mesa e esquenta a cama, que eu voltando.



Ps: 'eu voltei, agora pra ficar, porque aqui, aqui é meu lugar'. Pausa estratégica, quase fim da Caixa, MAS, cansei e voltei. Não dá pra ficar longe disso aqui.
Ps²: ontem, 17/04 o Caixa Preta completou 2 anos de existência (momento comotion)!!
Ps³: vou retomando a leitura dos blogs de vocês e agradeço a quem se preocupou (Jayam, ainda vai me bater? xD). Beijomeliga!



Imagem: 'you are coming back to me', por~dcamacho


Você também pode gostar

7 comentários

  1. Bienvenida chica...
    Mas a vida é assim. Por isso que o mundo é redondo e gira por ai.
    Que é pra gente sempre voltar pro mesmo ponto e ter uma nova chance. Não podemos mudar o passado, mas podemos, com os erros do mesmo, moldar o futuro...

    Bjim e bom texto

    ResponderExcluir
  2. Bateu uma saudades de você, viu! Bem-vinda de volta! Acho que o próximo a sumir será eu, minha vida está corridíssima, queria ser teen para ter tempo, mas vida adulta impera, rs.

    beijo,

    Charlie B.

    ResponderExcluir
  3. Bom regresso! Tem texto novo no Sub Mundo. Bjus.

    http://submundosemmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Acho bom ter voltado msmo! ù.u hahaha
    Tb passei por isso, mamis, mas acho que não sou capaz. O que realmente gostamos não é o que não nos faz ter vontade de largar e sim o que tentamos largar e nisso notamos que não é possível, n é?
    =**

    ResponderExcluir
  5. Entre as voltas e reviravoltas é bom te ver denovo. Enfim, o bom filho a casa volta. Por mais que a alma voe, viaje e perambule os arredores da vida, ela sempre terá um lugar da qual sempre irá querer voltar. Beijos.

    PS: Vê se fica de vez.

    ResponderExcluir
  6. Ai que bom que voltou!
    E que ficará!

    Quando é doce, a gente vicia.

    Te amo amiga
    Saudades

    ResponderExcluir
  7. Ai que tudooooo, vc de volta, Lu!!!

    Olha, eu tbm sou super fã da CP (e consequentemente sua tbm!) Estava com saudade de ler-te!!!

    bjo

    ResponderExcluir