Escrito no meu beijo...

4 de agosto de 2009 //
'so... kiss me', por ~estrela-do-mar




Hoje reuni várias palavras e com elas retratei todos os sentimentos que só tu faz surgir em mim e outras coisinhas nossas. Detalhei ao máximo. O cheiro do teu biografia, a textura dos cabelos e até a brancura da pele que teimo em dizer que é européia, já que talvez tenhamos nascido no país errado, apesar de gostarmos desse brasil enorme que ainda vamos conhecer - de fato.

Também falei um pouco das lembranças do passado, as que tu me contou e também te contei, e aquelas que suponho ter adivinhado. Um pouco dos nossos gostos também entrou na escrita. O nosso batom garoto mordido meio a meio, assim como a pizza também dividida, já que tu prefere mussarela e eu calabresa. A coca-cola estupidamente gelada que a gente sabe que faz mal, mas insistimos no vício forever. E também o seu gosto por desenhos e o meu por poesias, que nos faz sempre um pacotinho completo.

Todas essas palavras que reuni, não coloquei-as em papel, já que tu sabes que só uso papel e lápis nas suas cartas. Mas também não coloquei-as no computador, seria previsível demais e isso é uma coisa que não me satisfaz. Guardei todas na minha memória, facilmente ao alcance da língua, por que fica muito mais gostoso te dizer tudo isso no longo silêncio de um beijo que só nós entenderemos.




"Então, quando você me beijar,
vai sentir o gosto da minha escrita,
pois a fim de nunca esquecê-las
eu trago todas as minhas palavras
na ponta da língua. "
(Rita Apoena
)

13 comentários:

  1. E é assim, quero ler todas suas palavras, sentilas, enquando sente mesus traços e torno de ti, nessa conversa, silênciosa, unica onde apenas nos entendemos cada palavra


    Amo seus textos minha pequena
    TE Amo! sempre alem desse infinito! um tanto só nosso!

    ResponderExcluir
  2. Muito Lindo E Apaixonante..!

    Bjoooos Luh !

    ResponderExcluir
  3. Calo-me para não estragar o momento. Você, ele.


    Do texto,
    suspiro.

    ResponderExcluir
  4. AAAAAAAAH que coisa, não? *-*
    Eu prefiro as palavras explícitas em ações... Beijos, abraços, mordidas, olhares... Nada é tão mais gostoso e claro, né??
    Beijocas, mamis!

    ResponderExcluir
  5. É bonito pensar que o beijo pode ser um poema escrito com palavra nenhuma, um poema cuja leitura é feita de olhos fechados.

    Alguém me belisque...

    ResponderExcluir
  6. Uau! Que lindíssima declaração, daquela que arrepia o último fio da epiderme. Demais!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, adorei a foto! *O*
    Adorei também a forma como você descreveu, deu pra conhecer um pouco mais sobre o casal. A letra da música parece ser boa.

    ~Até a próxima. Abraço.

    *DB*

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto... Postei um texto no O Arroto. Bjus.

    http://contesta-acao.blogspot.com

    http://o-arrotoooo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Finalizar com Rita Apoena é coisa de gente linda feito você, feito a própria Rita.
    Delicioso beijo, suponho.

    Tão delicada, você, tanto, tanto!

    ResponderExcluir
  10. Fiquei esperando por um final tao delicioso de ser lido qnt o começo e me surpreendi com algo muito melhor. Adorei tua maneira de descrever... de escrever como um todo.

    Parabens, lindo blog.

    ResponderExcluir
  11. Moça , vim aqui pra agradecer teu comentário no meu blog .
    Aquele trecho de musica que vc escreveuno post ,encaixa perfeitamente com o momento . Eu adorei !

    E agradeço tb pela suas visitas !

    Um beijo , e volte sempre .

    ResponderExcluir
  12. Coisa mais linda, entender que tudo cabe num beijo. Que as melhores palavras, são as ditas em silêncio. Aquilo que se sente, e só.

    Lu, foi lindo.
    Outra vez.

    Adoro a gente se identificar, bêibe.

    Um beijo.

    ResponderExcluir